Imóvel Novo ou na Planta? Qual é a Melhor Opção?

Tempo de leitura: 4 minutos

Imóvel Novo ou na Planta? Qual é a Melhor Opção?

A compra de um imóvel é um passo muito importante e significativo na vida de uma pessoa e de sua família. Quando esse momento chega é preciso conter a empolgação e atentar para vários detalhes. Uma das dúvidas mais corriqueiras na compra de um imóvel é: Imóvel Novo ou na Planta? Qual é a Melhor Opção? Neste artigo será tratado um pouco das vantagens e desvantagens de cada modalidade.

Imóvel na Planta

Comprar um imóvel na planta tem muitos benefícios, são eles:

– Valores mais atrativos e valorização: os imóveis vendidos na planta geralmente possuem um valor de venda menor do que os prontos e depois de prontos tendem a valorizar ao menos 20% (vinte por cento) em relação ao valor da aquisição pelo cliente;

– Flexibilidade no pagamento: imóveis na planta possibilitam ao cliente o parcelamento da entrada do imóvel diretamente com a construtora até o prazo de conclusão da obra, momento em que o saldo poderá ser pago mediante financiamento imobiliário ou com recursos próprios;

– Mudanças no imóvel: quando compramos imóveis na planta podemos fazer algumas mudanças na planta (retiradas ou inclusões de paredes) e mudança de materiais como tipo de pisos e louças.

Por outro lado, a compra de imóveis na planta também possui algumas desvantagens, dentre as quais as elencadas a seguir:

– Risco maior: quem compra na planta deve estar ciente de que a construtora pode passar por problemas financeiros que atrasem ou impeçam a entrega do imóvel. Problemas de licenças ambientais também podem ocorrer. A melhor dica aqui é sempre pesquisar o histórico da construtora antes de partir para a compra e verificar se o projeto já foi aprovado e a incorporação realizada junto ao Cartório de Registro de Imóveis competente;

– Frustação de expectativas: muitas vezes os clientes compram o imóvel na planta e imaginam que o imóvel ficará de um jeito e acabam se frustrando quando isso não acontece;

– Correção do INCC: quando compramos na planta a maioria das construtoras reajusta as parcelas da entrada e saldo devedor pelo INCC;

– Atraso na entrega: dada a complexidade que permeia uma construção, não raramente ocorrem atrasos na entrega da obra, o que pode acarretar em alguns dissabores aos adquirentes.

 Imóveis prontos/Imóveis Usados

Para quem prefere comprar algo já pronto ou até mesmo usado, seja pelos riscos ou devido à preferencias pessoais, importante destacar as vantagens desse tipo de negócios e também as desvantagens, conforme segue:

Vantagens:

– Menos riscos: ao comprar um imóvel que já está pronto você não terá o risco de atrasos ou não entrega do imóvel;

– Certeza do que está comprando: quando você visita um imóvel pronto ou usado você sabe exatamente quais são os espaços, a qualidade da obra e o que precisa ou não ser feito, o que não ocorre com imóveis em construção, na qual se trabalha, inicialmente, com a planta e maquete;

– Correção: na maioria dos casos de imóveis usados você não terá a correção do INCC, salvo se fizer algum parcelamento ou se ficar acordado entre as partes a correção até a efetiva quitação (recebimento dos valores financiados, por exemplo).

Desvantagens:

– Preço final: na compra de um imóvel já pronto ou usado o preço pago é o final de venda. Existe a possibilidade de conseguir descontos, mas, na maioria das vezes, não serão maiores do que a vantagem do valor de planta;

– Sem flexibilidade de pagamento: na maioria dos casos imóveis novos e usados não aceitam parcelamento da entrada, diante disso, você terá que dispor a entrada mínima solicitada para poder efetuar a compra;

– As mudanças de planta são mais limitadas: ao contrário do que ocorre em imóveis na planta, mudar paredes em um imóvel usado não é tão simples assim.

Imóvel Novo ou na Planta? Qual é a Melhor Opção? 

Enfim, tanto imóveis na planta como prontos possuem vantagens e desvantagens. Você precisa analisar cada uma delas e verificar qual opção se encaixa mais dentro da sua realidade.

Gostou do nosso artigo sobre Imóvel Novo ou na Planta? Qual é a Melhor Opção? Então deixe seu comentário para a gente!

E não esquece de se inscrever no nosso canal no Youtube!

dornelles

1 comentário


  1. Este problema está em todas as obras do governo do estado, eles não pagam as construtoras , fazem medição e ficam colocando impessilios para não pagar e dizer que as empresas estão erradas, mas a realidade é o governo que não tem dinheiro, sem dinheiro nenhuma construtora consegue tocar obras, é só fazer uma pesquisas com as construtoras que irão ver a verdade, deste governo incompetente e coaloteiro. online

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *